Estreando na direção de Longa metragens,Lila Rodrigues acredita que seu  olhar  tornou o filme mais humano.

"Falamos de esperança, de musicalidade,do que dá certo.Éramos estranhas no universo de Hip Hop de São Paulo,que é predominantemente masculino e de certa forma fechado.

Fazer o filme só foi possivel porque existiu uma relação de confiança mutua entre nós e os meninos".